ARTIGOS

Não julgueis a fim de não serdes um pé no saco

por Renato Kress

Nada mais confortável do que julgar. 

Para julgar você naturalmente se coloca acima. E que sensação maravilhosa julgar-se superior, rei ou rainha da cocada preta, reizinho ou rainhazinha! Está lá você, no útero almofadado das suas certezas apontando seu divino dedo. 

Julgar te dá a sensação de superioridade total! Aquela criada pela junção das pretensões de superioridade intelectual, moral, ontológica(*), afetiva e existencial. 

Julgar te distancia, segrega o que você considera “errado” e mantém por perto só o espelho, o triunfo máximo do narcisismo infantil. 

Aquele rótulo enfiado goela abaixo no outro, aquele sem direito a resposta, o bem lacrante sabe? Ele nos absolve emocionalmente. Abre caminho para a intolerância, o ódio,  o preconceito, a violência, a segregação e tudo isso chega inflando, inflando como um balão do tamanho do Sol esse ego tão carente de validação e aceitação que mora no íntimo de quem vive para julgar. 

Julgar é fácil. É cômodo. É simples. É rápido. E o melhor: é grátis! 

Dispensa o raciocínio profundo em prol de qualquer afetação emocional momentânea. 

Mas também dispensa a emoção intensa em prol de um raciocínio superficial binário que elimina a riqueza e complexidade da vida.

Julgar é simples. É imediato. É constante e automático!

É um bom retrato da moda do que se espera de uma sociedade cada vez mais infantil e apressada. Desse mix de coelhos da Alice com pretensões de Peter-Pan. 

Julgue mais. Seja menos. Segregue. Afaste. Isole-se. E, quando estiver bem isolado e amedrontado, sozinho e encastelado, aí então, meu querido julgador mimado, obedeça serelepe ao mestre-mito-mercado: consuma!

RENATO KRESS é cientista político e antropólogo

(*) Superioridade ontológica quer dizer que o seu próprio ser é superior ao mundo! É estrela que primeira grandeza perto do pó existencial que te rodeia, raiz de todas as raízes! Fada sensata da galáxia.

Categorias:ARTIGOS

Marcado como:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.